Caderno de Desenhos

8 de ago de 2016

Millôr



Millôr é fantástico. O maior.
Era um alquimista das palavras. Quando elas saíam dele em seus desenhos, textos ou frases já valiam ouro.
Um notável, como ele mesmo disse.
Mesmo quando fazia uma piada, aparentemente inocente, seu humor não era popularesco.
Era de uma inteligência ímpar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário